Notícias

YA_eng_logo_nw

Young Africa ganha reconhecimento internacional pela UNESCO-UNEVOC

No dia 1 de fevereiro de 2017, a solução altamente inovadora da Young Africa para o desemprego juvenil no sul da África foi adicionada à base de dados Promessas Práticas da UNESCO-UNEVOC, uma das apenas quatro práticas de todo o mundo adicionadas à lista este ano. UNESCO-UNEVOC é um instituto da ONU que trabalha no campo da educação. Como parte de seu trabalho, uma equipe de especialistas de todo o mundo identifica e seleciona as práticas mais promissoras no setor de Educação Técnica e Formação Profissional (EFTP).

O Programa Integral de Empoderamento dos Jovens
O Programa Integral de Empoderamento da Juventude de África é a nossa abordagem única para o desenvolvimento da juventude. Envolve a formação profissional integrada com empreendedorismo, habilidades de vida e desenvolvimento de talentos, dando graduados as ferramentas para encontrar emprego ou tornar-se trabalhadores por conta própria.

Modelo inovador de franquia para auto-sustentabilidade financeira
A formação profissional é cara e muitas vezes não está relacionada com o mercado. Em resposta, a Young Africa desenvolveu o inovador modelo de franquia. Todos os departamentos de treinamento em nossos centros são alugados a empresários locais para administrar seus negócios. Ao mesmo tempo, eles ensinam os alunos, assumindo a responsabilidade de transmitir suas habilidades aos jovens de suas comunidades. O aluguel desses workshops leva à auto-sustentabilidade financeira dos centros de treinamento.

Grandes problemas exigem soluções ousadas
Um número impressionante de 230 milhões de pessoas na África têm entre 15 e 24 anos, dos quais 30% a 50% estão desempregados. Young Africa trabalha actualmente no Zimbabwe, Moçambique, Namíbia, Botswana e Zâmbia, mas estabeleceu a ambição de expandir e educar 500.000 jovens em toda a África Austral até 2025. Este reconhecimento pela UNESCO UNEVOC coloca Young Africa no mapa na comunidade internacional, E esperamos que desencadeiem outras ONGs e doadores para se juntarem a nós nesta ambição.

Para obter mais informações, entre em contato com a Young Africa através do endereço electrónico ya.int@youngafrica.org ou visite nosso website em www.youngafrica.org

logo_new

ESTAMOS A MUDAR DE INSTALAÇÕES

O JOBA vai mudar de instalações no dia 7 de fevereiro de 2017 e os nossos novos escritórios estão localizados na Av. Francisco Orlando Magumbwe 993, 1o Andar.

logo_new

TEMOS UMA NOVA LÍDER DE EQUIPE

A partir do dia 1 de Janeiro de 2017 o programa JOBA terá uma nova líder da equipe interina, a Victoria Damane.

usaid_news

CONVITE PARA MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE

A FHI 360 está a implementar um projecto na área de Educação, denominado Youth Power Action/Mozambique. O projecto é financiado pela USAID/PEPFAR por um período de 1 ano e conta com os parceiros estratégicos do Governo nomeadamente: Ministério de Juventude e Desporto, Ministério da Educação, Ministério de Trabalho, Ministério de Género Criança Acção Social e as respectivas direcções provinciais.

O projecto irá apoiar jovens e adolescentes, orfãos e vulneráveis dos 15 aos 17 anos, na cidade da Maputo, com o objectivo de prepará-los para o mundo de trabalho. O projecto investe esforços para que os jovens desenvolvam competências socioeconómicas e habilidades técnicas, empoderando-se para que eles possam construir um futuro melhor, podendo tomar novas escolhas pessoais e profissionais, além de melhorias na situação individual, familiar e da comunidade.

No âmbito, convidamos as organizações não-governamentais locais (organizações comunitárias de base ou de sociedade civil), que operam na cidade de Maputo, interessadas em estabelecer parcerias para implementação das actividades do projecto a apresentarem as suas propostas de nifestação de interesse.

As propostas deverão ser entregues nos escritórios da FHI360, sitos na Rua Beijo da Mulata, nº 59200, Sommerchield II ou enviados para o endereço electrónico: Youthpower.grants@fhi360.org até às 11.30 horas do dia 9 de Dezembro de 2016.

Para as candidaturas, as organizações deverão reunir os seguintes critérios de elegibilidade comprovadas.Todas as informações são susceptíveis de confirmação:
• Estar legalmente registada e reconhecida ao abrigo da lei moçambicana e com escritórios no território moçambicano de preferência em Maputo.
• Não deve ter nenhuma acção legal, em curso, proveniente de implementação de projectos com outros doadores.
• Demonstrar habilidades e possuir mais de dois (2) anos de experiência na implementação de programas deapoio a jovens/ adolescentes ou programas comunitários.
• Possuir uma estrutura administrativa e financeira organizada e funcional com habilidades para prestação de contas deacordo com os padrões e requisitos contabilísticos.
• Ter capacidade técnica, de monitoria e avaliação para recolha, processamento e análise de dados.

Os Termos de Referência e informações adicionais podem ser obtidos junto dos escritórios da FHI360, sitos na Rua Beijo da Mulata, nº 5900, Sommerchield II

logo_new

ESTATÍSTICAS E RESULTADOS - EOLS

download

MdE: A FUNDAÇÃO INTERNACIONAL DA JUVENTUDE,
JOBA & MUVA

A Fundação Internacional para a Juventude (IYF), uma organização caritativa sem fins lucrativos, assinará um Memorando de Entendimento com outros dois programas focados nos jovens, JOBA e MUVA, em 15 de novembro de 2015.

A IYF tem como objetivo promover programas eficazes e sustentáveis que trabalhem em estreita cooperação com as comunidades locais, provedores de treinamento vocacional não-estatais e sistemas governamentais de TVET para ajudar os jovens a se tornarem cidadãos saudáveis, produtivos e engajados.

Embora os três programas estejam adotando abordagens diferentes, foram identificadas várias áreas que gerariam sinergias. Todos os 3 programas estão empenhados em colaborar para a juventude de Moçambique, com especial destaque para as mulheres jovens.

O MoU será assinado durante um Evento de Aprendizagem organizado pelo IYF.

muva

Muva - Lançamento!

Qualquer sociedade com visão sabe que o empoderamento das mulheres é um dos caminhos mais eficientes para o desenvolvimento. Simplesmente porque a justiça entre os sexos implica que todos temos a oportunidade de desenvolver e aplicar as nossas capacidades ao seu pleno potencial.

O programa Muva de cinco anos responde a este desejo de desenvolver uma sociedade mais justa em Moçambique em termos de formação e oportunidades de trabalho para mulheres e homens, desde a mais tenra idade. Foi oficialmente lançado em 20 de Outubro em Maputo, celebrando o primeiro capítulo da fase de implementação. O programa é financiado pelo UKaid (DfID) e gerenciado pela Oxford Policy Management (OPM). O evento de lançamento reuniu convidados dos setores público e privado, bem como da sociedade civil.

Os seguintes projetos foram apresentados no lançamento oficial: Muva Tech, criado para combater a diferença de gênero em tecnologia em todo o país; Muva Inovar, para apoiar os empresários moçambicanos; Muva'titude, para desenvolver as habilidades e capacidades da juventude moçambicana; E Muva Aprender, para melhorar o desempenho das meninas na escola, incluindo o desenvolvimento de habilidades não cognitivas.

Para mais informações sobre o Muva, visite: www.muvamoz.co.mz

duke-of-york

SUA ALTEZA REAL O PRÍNCIPE ANDREW,
O DUQUE DE YORK, VISTA O FUTURO SKILLS

Sua Alteza Real o Príncipe Andrew, o Duque de York, visitou um programa financiado pelo JOBA no Futuro Skills / PacMoz em 27 de setembro de 2016. O Príncipe André foi acompanhado pelo Governador da Província de Maputo, Raimundo Maico Diomba, DFID e JOBA.

Futuro Skills Moçambique, o primeiro donatário da T4R do Fundo para o Emprego, está recrutando, treinando, avaliando e criando oportunidades de emprego na indústria de construção civil para um mínimo de cem moçambicanos desfavorecidos.